Unidade 1: Mister Shopping 3º Piso
Unidade 2: Av. Rio Branco, 1718 – Centro
Segunda a sexta: 08h às 20h
Sábado: 08h às 12h

Por que ir ao urologista todo ano?

Todos os homens sabem sobre a grande importância de ir ao urologista todo ano. Existem alguns médicos que as pessoas só procuram quando possuem algum sintoma. No entanto, é importante saber que alguns deles devem ser visitados todos os anos. Por exemplo: ginecologista, cardiologista, neurologista, entre outros. Assim, todas as pessoas devem estar em dia com as consultas e os exames que o médico vai pedir. Nesse post você vai conhecer um pouco mais sobre a importância de ir ao urologista todo ano. 

O que faz o urologista?

O urologista é o médico que cuida do sistema urinário de todas as pessoas e da saúde genital dos homens. Assim, é responsável por diagnosticar e tratar as doenças que atingem os órgãos e estruturas destes sistemas. 

Em princípio, a consulta regular com o urologista é importante para prevenir diversas doenças que afetam o sistema urinário e o aparelho genital masculino. Além disso, a consulta preventiva facilita o tratamento de doenças em seu início. Por isso, é importante separar um tempo para consultar este médico. Afinal, quanto antes um problema é detectado, mais rápido é o seu tratamento.

tudo-sobre-urologista-destacada

Quando procurar o urologista?

Em primeiro lugar é importante procurar este médico de forma regular para evitar problemas. No entanto, a maioria das pessoas costuma procurar o urologista apenas quando estão com algum sintoma ou desconforto. Dessa forma, podemos citar alguns sinais que mostram a necessidade de uma consulta imediata:

Dor lombar 

Pode indicar problemas nos rins: desde uma pedra até tumores graves. Assim, o médico pode pedir exames para encontrar o problema.

Desconforto no abdômen

Este tipo de dor pode indicar infecções, pedras nos rins, tumores e outros problemas. Por isso, sempre que este sintoma aparecer é importante procurar o médico.

Dor no pênis

Geralmente mostra uma infecção urinária, que ocorre na uretra. A fim de evitar complicações, o tratamento deve ser iniciado o mais rápido possível.

Aumento na frequência de urina ou sangue na urina

Também indicam a presença de uma infecção urinária. Assim, o médico deve ser consultado o quanto antes. Saiba mais sobre a infecção urinária.

Dor nos testículos 

Esta dor ocorre nos casos de inflamações, cistos, tumores e outros problemas na bolsa escrotal.

Disfunção erétil

O urologista é especialista na saúde do sistema sexual masculino. Por isso, os homens devem buscar este médico para tratar problemas que envolvem este sistema.

Sinais de doenças sexualmente transmissíveis

O homem deve procurar o médico a qualquer sinal que possa indicar estas doenças.

É importante nunca ignorar um sintoma. Assim, é possível desde o início encontrar uma doença e tratá-la de forma rápida. Dessa maneira evita-se que o problema se agrave e comprometa a saúde.

tudo-sobre-urologista-1

O que acontece na consulta com o urologista?

Quando o paciente procura o médico, este vai perguntar o motivo da consulta. Assim, a pessoa vai mostrar os sintomas ou indicar que esta é uma consulta de rotina. A consulta pode ser realizada em homens e mulheres para tratar do sistema urinário.

É importante estabelecer que os homens devem visitar o urologista todos os anos, a partir dos 45 anos. Afinal, é necessário realizar exames preventivos ao câncer de próstata. De acordo com a Sociedade Brasileira de Urologia, este é o segundo câncer que mais mata homens no Brasil. Caso haja histórico dessa doença na família, a consulta de todos os anos deve ser feita a partir dos 40 anos. Entenda mais sobre este câncer, seu tratamento e prevenção.

Durante a consulta, o médico vai fazer uma análise completa no paciente e verificar como está a saúde do sistema urinário e sexual (no caso dos homens). Além disso, a partir dos 45 anos, o médico vai realizar o exame de toque, importante para descobrir o câncer de próstata em seu início. Ademais, o médico pode solicitar alguns tipos de exames, como o de sangue. Após analisar os sintomas e o resultado dos exames, o médico vai iniciar o tratamento de qualquer doença existente.

O que é o câncer de próstata?

A próstata é uma glândula do sistema reprodutor masculino localizada abaixo da bexiga. Assim, é responsável por produzir parte do líquido seminal, que protege os espermatozoides. No entanto, a partir dos 45 anos de idade, esta glândula pode aumentar de tamanho e apresentar tumores.

Os tumores evoluem de forma diferente nos homens. Assim, existem casos graves em que os tumores podem inclusive se expandir para a estrutura óssea do paciente. Por outro lado, podem ter evolução lenta e não causar grandes problemas. 

Fatores de risco do câncer de próstata

De acordo com o Instituto Vencer o Câncer, existem alguns fatores de risco para o câncer de próstata. Entre eles:

  • Idade- É o principal fator de risco. Ou seja, quanto maior a idade do homem, maior é o risco de desenvolver o câncer. Assim, homens com mais de 50 anos estão no grupo de risco.
  • Histórico familiar- Possuir parente de primeiro grau que teve o câncer aumenta em duas vezes a chance de desenvolver a doença.
  • Raça- Homens negros têm mais risco de desenvolver tumores mais agressivos.
  • Alimentação- Dietas pobres em fibras, frutas e vegetais podem aumentar o risco. Além disso, é ideal evitar gorduras e frituras.
  • Obesidade- Alguns estudos mostram que homens obesos têm mais risco de desenvolver o câncer.
sala policonsultas

Prevenção ao câncer de próstata

Muitas pesquisas indicam que pessoas do sexo masculino têm menor preocupação em prevenir doenças. Por isso, é muito importante alertar este grupo sobre como é feita a prevenção ao câncer. 

A principal forma de prevenção é a consulta regular ao urologista e a realização de exames para o diagnóstico precoce do câncer de próstata. Afinal, o tratamento é sempre mais fácil quando é feito no início. Assim, os exames devem ser feitos todos os anos, em homens de 50 anos ou mais. No entanto, homens negros ou que possuem familiares que apresentaram o câncer, devem realizar os exames a partir dos 40 anos. 

Sem dúvida, a adoção de uma vida saudável também é muito importante. Assim, a alimentação e a prática de exercícios físicos contribuem para a prevenção ao câncer de próstata. Saiba tudo sobre a consulta com o urologista.

Sinais que podem indicar o câncer de próstata

No dia a dia é necessário estar atento para os sinais que podem indicar o câncer de próstata. Assim, alguns desses sintomas podem ser:

  • Dificuldade ou dor para urinar – Como a próstata está localizada perto da bexiga, o aparecimento de um tumor pode causar estas características.
  • Dor ou sangramento no ânus;
  • Inchaço nas pernas;
  • Pele amarelada;
  • Náuseas e vômitos;
  • Dor pélvica;
  • Falta de ar e tosse – Em casos raros os tumores podem chegar aos pulmões.

Na presença de algum desses sinais, o homem deve procurar um urologista o mais rápido possível. No entanto, é importante lembrar que muitas vezes nódulos benignos surgem na próstata. Além disso, os sinais podem aparecer devido ao aumento natural desta glândula. Ou seja, o simples aparecimento de um desses sinais não deve causar desespero, mas é necessária uma investigação por um especialista. Na consulta, o médico vai solicitar exames para estudar a situação. 

Exames e tratamentos

Durante a consulta, o urologista vai realizar nos homens com 45 anos ou mais o chamado “exame de toque”. Este exame é muito importante e serve para detectar alterações na próstata. Assim, possibilita o diagnóstico precoce do câncer de próstata. Assim, o médico vai introduzir o dedo, com luva e lubrificante, no ânus do paciente para sentir porção de seu intestino grosso.

Além disso, o médico pode solicitar outros exames. Por exemplo: exame de sangue, de urina e espermograma (análise do sêmen). É importante destacar que quanto mais cedo for identificada uma doença, maiores são as chances de sucesso no tratamento.

Por fim, o tratamento ideal para cada paciente depende de vários fatores. Assim, quando o médico for iniciar o tratamento, vai analisar cada caso. Em seguida, vai receitar remédios indicados para o caso apresentado, podendo inclusive indicar a procura de outros médicos.

Verdades e mitos

Em princípio, a consulta com o urologista pode gerar medo e aversão em muitos homens. Por isso, é importante saber alguns fatos com relação ao urologista e saúde sexual masculina.

O homem sente dor durante o exame de toque- MITO.

 O exame pode trazer desconforto, mas é rápido e indolor. Além disso, é essencial para detectar tumores e outros problemas na próstata.

Disfunção erétil tem tratamento- VERDADE

Pode ser causada por questões fisiológicas ou psicológicas. Em ambos os casos, existe tratamento, que deve ser avaliado junto ao urologista.

Remédios para a disfunção têm contraindicações. VERDADE

É preciso consultar o médico antes de tomar este tipo de remédio.

O desempenho sexual masculino não muda com hábitos saudáveis. MITO

Praticar atividades físicas e ter uma alimentação saudável melhora o desempenho sexual e reduz a possibilidade de problemas.

Ansiedade pode causar ejaculação precoce. VERDADE

Nestes casos, o uso de remédios junto com o tratamento psicológico apresenta ótimos resultados.

Homens têm menos infecções urinárias do que mulheres. VERDADE

Como têm a uretra mais curta, as infecções são mais frequentes nas mulheres.

Policonsultas

Precisa marcar uma consulta com um urologista? A Policonsultas tem uma equipe preparada para cuidar da sua saúde, além de realizar exames na própria clínica.

Conheça nosso corpo clínico aqui!

Agende seu atendimento:

Unidade 1: Mister Shopping 3º Piso.
Unidade 2: Av. Rio Branco, 1718 – centro

Deixe um comentário

WhatsApp Agende pelo WhatsApp