Unidade 1: Mister Shopping 3º Piso
Unidade 2: Av. Rio Branco, 1718 – Centro
Segunda a sexta: 08h às 20h
Sábado: 08h às 12h

Novembro Azul alerta para riscos do câncer de próstata e cuidados com a saúde masculina

Durante o mês de Novembro realiza-se uma campanha mundial para alertar sobre a importância da prevenção ao câncer de próstata. Assim, adota-se a cor azul a fim de chamar atenção para esta causa, além de discutir a saúde do homem como um todo. A idéia é tornar os homens mais conscientes, questionando alguns preconceitos que podem colocar suas vidas em risco.

De acordo com dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA), a cada dia, 42 homens morrem em decorrência do câncer de próstata. Mais de 68 mil novos casos foram constatados em 2018, tendo como maiores vítimas, homens a partir dos 50 anos. Uma outra pesquisa divulgada pelo Instituto Lado a Lado pela Vida aponta que entre 2.405 homens entrevistados, 59% deles não costumam ir ao urologista e 45% nunca foram submetidos ao exame de toque retal.

Ao longo dos anos, algumas técnicas, exames e tratamentos tornaram-se muito mais efetivos e menos invasivos. Entretanto, o cuidado com a saúde ainda é uma barreira de acesso à este público masculino. Assim, o mês de novembro é uma oportunidade de conversar com os homens sobre a necessidade de cuidar da saúde, se prevenir ou também diagnosticar o câncer em seus primeiros estágios.

 

O QUE É PRÓSTATA E COMO DIAGNOSTICAR O CÂNCER DE PRÓSTATA?

 A próstata é uma glândula presente apenas nos homens e está localizada abaixo da bexiga e em frente ao reto. Ela envolve a parte superior da uretra, canal responsável por conduzir a urina. É importante destacar que a função dessa glândula é produzir um liquido que compõe parte do sêmem, nutrindo e transportando os espermatozóides, não sendo responsável pela ereção masculina.

Ilustração da localização da próstata. Imagem retirada da cartilha do Ministério da Saúde

No caso do câncer de próstata, grande parte dos casos é pouco sintomático, além de se desenvolver de forma lenta. Os sintomas são semelhantes aos do crescimento benigno da próstata (dificuldade de urinar, necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou à noite). Na fase avançada do câncer, pode haver dor óssea, sintomas urinários ou, quando mais grave, infecção generalizada ou insuficiência renal.

O diagnóstico do câncer de próstata é feito exclusivamente através da biópsia da próstata. No entanto, para indicar corretamente o diagnóstico, o médico urologista precisa levar em consideração vários fatores e indicar a realização de alguns exames. Pelo exame de toque retal, o urologista avalia tamanho, forma e textura da próstata. Já o exame de PSA trata-se de um exame de sangue que mede a quantidade de uma proteína produzida pela próstata – Antígeno Prostático Específico (PSA). Níveis alterados dessa proteína no sangue podem indicar o câncer, mas também outras doenças do trato urinário. Portanto, este é um exame complementar, que pode apontar outras disfunções, como dificuldade de micção, e a prostatite, que é a inflamação da glândula.

Os exames deverão ser realizados após uma análise dos fatores de risco pelo urologista.

 

FATORES DE RISCO DO CÂNCER DE PRÓSTATA

Existem alguns fatores de risco para o câncer de próstata. O primeiro e principal deles é a idade, como aponta dados do Ministério da Saúde, uma vez que tanto a incidência quanto a mortalidade aumentam significativamente após os 50 anos. Além disso, homens com parentesco direto (pais ou irmãos) com casos de câncer de próstata antes dos 50 estão entre os indíces associados a hereditariedade.

Fatores de risco do câncer de próstata. Imagem retirada do site do Ministério da Saúde.

Indivíduos expostos à aminas aromáticas (comuns nas indústrias química, mecânica e de transformação de alumínio), arsênio (usado como conservante de madeira e como agrotóxico), produtos de petróleo, motor de escape de veículo, hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (HPA), fuligem e dioxinas devem ficar atentos, pois tais substâncias estão associadas ao câncer.

Habitos alimentares, excesso de gordura corporal, sedentarismo, estilos de vida pouco saudáveis aumentam o risco de desenvolvimento desta doença, assim como várias outras.

 

NOVEMBRO AZUL E CUIDADOS COM A SAÚDE DO HOMEM

 Pesquisas apontam que as mulheres têm um cuidado muito maior com a prevenção de doenças quando comparado ao sexo masculino. Isto é, os homens recorrem à assistência médica quando já estão em situação de dor. Assim, neste mês várias ações são divulgadas a fim de conscientizar os homens a se prevenirem de potenciais doenças, procurando serviços de saúde que possam analisar se existe algum risco ou disfunção que deve ser tratada.

Queremos alertar não só para o câncer de próstata, como também incentivar o homem a olhar mais para a sua saúde, fazer check-ups anuais, e exames que podem prevenir uma série de outras doenças.

A Policonsultas acredita que o cuidado com a saúde é fundamental. Por considerar os dados sobre o câncer de próstata alarmantes, acreditamos que prevenir é, sem dúvidas, o melhor remédio.

Conheça nosso corpo clínico, e realize seus exames com a gente!

Agende seu atendimento!

Por telefone: (32) 3031-6060

Por WhatsApp: (32) 99102-6160

Estamos no Mister Shopping, 3º piso – Juiz de Fora

Deixe um comentário

WhatsApp Agende pelo WhatsApp