Unidade 1: Mister Shopping 3º Piso
Unidade 2: Av. Rio Branco, 1718 – Centro
Segunda a sexta: 08h às 20h
Sábado: 08h às 12h

Setembro Amarelo: Mês de Prevenção ao Suicídio

O setembro amarelo é uma campanha de conscientização sobre a prevenção ao suicídio. Foi criada pelo Centro de Valorização da Vida (CVV), pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP). O setembro amarelo existe desde 2014 no Brasil e visa dar maior visibilidade a este tema. Por isso, durante o mês de setembro, faz-se uso constante da cor amarela em diversos lugares. Assim, a cor acaba gerando debates e momentos de reflexão sobre este tão delicado tema: o suicídio.

Segundo dados divulgados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 2018, cerca de 800 mil pessoas morrem por suicídio a cada ano. Dentre essas pessoas, mais de 90% sofre de distúrbios mentais, com destaque à depressão, doença que possui tratamento por meio de de auxílio psicológico e psiquiátrico. Além da depressão, outros distúrbios que podem levar uma pessoa ao suicídio são: bipolaridade, esquizofrenia, ansiedade e o transtorno de personalidade.

O que é a depressão?

A depressão é um transtorno mental cuja principal marca é a perda de interesse em atividades que antes davam prazer à pessoa. Além disso, outros sintomas comuns são: sentimento de tristeza e receio, desânimo e tristeza intensa. Conforme o Ministério da Saúde, existem alguns fatores de risco que podem ajudar na evolução da depressão, entre eles:

  • Histórico familiar;
  • Outros transtornos psiquiátricos;
  • Estresse crônico;
  • Ansiedade crônica;
  • Disfunções hormonais;
  • Dependência de álcool e drogas ilícitas;
  • Traumas psicológicos;
  • Doenças pré-existentes.

Uma vez reconhecidos os sintomas que podem indicar a existência de um quadro depressivo, deve-se iniciar o tratamento da doença. Este início deve se dar o mais rápido possível. Dessa forma, é possível evitar quadros mais graves e perigosos para a saúde e bem-estar do paciente. O tratamento é feito por meio de medicação e terapia. Em princípio, o psicólogo ajuda o paciente a criar estratégias de combate às questões emocionais. Por sua vez, o médico indica remédios que vão reduzir os sintomas da depressão. O médico que atua na psiquiatria irá escolher o antidepressivo a ser utilizado. Desse modo, levará em conta diversos fatores, como: 

  • Subtipo da depressão apresentada pelo paciente;
  • Histórico familiar;  
  • Resposta a outros remédios já utilizados.

O tratamento psiquiátrico deve estar aliado à psicoterapia, para dar uma maior segurança ao paciente. Por se tratar de uma doença psiquiátrica, a depressão muda a qualidade de vida emocional e física do paciente que a enfrenta. Uma das mais graves consequências da doença é o suicídio. Ele costuma ocorrer quando a pessoa pensa que esta é a única forma de se livrar da tristeza que sente. Ou seja, não vê outros meios.

Suicídio dá sinais

Um fator sobre do suicídio é que, muitas vezes, quando uma pessoa pensa em tirar a própria vida, ela emite alguns sinais. Contudo, estes sinais não são percebidos aos olhos de muitas pessoas ao redor. Além disso, é relevante lembrar que qualquer pessoa, de qualquer idade, pode vir a passar por isso. Desse modo, é importante que todos tenham noção sobre estes indícios. Assim, poderão ajudar amigos e conhecidos que estejam nessa situação. Afinal, esta é uma das metas do setembro amarelo.

Alguns destes sinais podem ser:

  • Falta de vontade de estar com outras pessoas ou de fazer coisas que antes gostava e fazia sempre;
  • Alteração repentina do comportamento;
  • Tratar de assuntos pendentes, despedir-se de pessoas ou fazer um testamento;
  • Mostrar muita calma com assuntos que antes traziam grande tristeza;
  • Comer ou dormir muito pouco;
  • Fazer ameaças de suicídio;
  • Usar drogas ou álcool com maior frequência e em excesso; 
  • Fazer coisas muito arriscadas (por exemplo, dirigir em alta velocidade).

Como prevenir o suicídio

A melhor forma de prevenção ao suicídio é a conversa e o conhecimento. Ou seja, falar sobre o assunto, dar apoio e auxiliar pessoas a procurar ajuda é um grande passo nessa luta. Dessa maneira, pode-se evitar que alguém sequer passe por esta situação. Por isso, um dos pontos do setembro amarelo é a defesa do “falar é prevenir”.

Quando uma pessoa percebe os sinais de que alguém possa estar pensando em suicídio, uma saída é mostrar que há outro meio para se buscar. Por isso, deve incentivar a procura dos profissionais dentro da psicologia e da psiquiatria. Além disso, muitas vezes o suicídio é fruto de um impulso da pessoa que está sofrendo. De tal forma que, caso alguém próximo esteja passando estes sinais, é importante estar atento. Uma alternativa é retirar do local que a pessoa costuma frequentar, objetos que possam ser meios para o suicídio. Por exemplo: comprimidos, objetos cortantes, entre outros.

A pandemia e a saúde mental

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), durante a pandemia em que vivemos, houve um aumento na taxa de sintomas de depressão e ansiedade. Igualmente, os dados de consumo de álcool e outras substâncias químicas (fator que agrava a depressão) também cresceu. Este aumento é efeito do isolamento social, da incerteza e da ansiedade que atingiu as pessoas.

Por isso, é ainda mais necessário que todos tentem entender sobre este problema mundial. Assim, poderão ajudar outras pessoas e até a si mesmos. Ademais, é muito importante que todos saibam como acessar os serviços de psicologia e psiquiatria. Acima de tudo, é preciso saber o seu intuito, para se prevenir contra distúrbios emocionais. Afinal, eles podem levar ao suicídio. Em resumo, esses são os principais objetivos da campanha mundial do setembro amarelo.

Está passando por um momento difícil? Não tente resolver seu problema sozinho. É muito mais fácil quando se tem ajuda e apoio. A Policonsultas conta com uma equipe de profissionais de psicologia e psiquiatria com preços acessíveis na cidade de Juiz de Fora. Marque uma consulta!

Apesar do nome “Setembro Amarelo”, a prevenção do suicídio deve acontecer durante todo o ano. 

Apoie essa causa! Olhe ao seu redor. Perceba detalhes. Ajude parentes e amigos que estão ao seu lado. Você pode fazer a diferença.

Agende agora o seu atendimento na Policonsultas!

☎Por telefone: (32) 3031-6060

📱Por WhatsApp: (32) 99102-6160

📍Mister Shopping, 3º piso

Deixe um comentário

WhatsApp Agende pelo WhatsApp